...

NaNoWriMo

Para quem gosta de escrever, quer por hobbie ou por profissão, este post é para vocês.

NaNoWriMo é um site que ajuda os escritores a terem mais motivação. Mas é melhor eu fazer copy/paste da FAQ aqui:


COMO ME JUNTO AO NANOWRIMO?
Simples. Crias uma conta, adicionas a informação pedida, e vais actualizando o teu Word Count. No fim de novembro, os Word Counts são fechados, e quem tiver mais que 50 mil palavras é considerado vencedor.

WORD COUNT? QUE É ISSO? COMO ACTUALIZO?
Word Count é o número de palavras que já escreveste. Quem usar Word tem uma funcionalidade que te deixa ver quantas palavras já escreveste. Até 25 de Novembro, o sistema de actualização é por "Sistema de Honra" - ie, no vosso profile, cliquem em "Edit Novel", e vão ver uma barra com "Word Count". Escrevam ali quantas palavras têm, e façam Save. O número é guardado no vosso sistema. Podem editá-lo\mudá-lo até à meia noite - depois disso fica "trancado" - se fizerem qualquer alteração, é considerada como se tivesse sido feita no dia seguinte.
A partir de 25 de Novembro, abre uma caixa no mesmo sítio (Edit Novel), para onde têm de fazer copy-paste do vosso texto completo, e a partir daí quem faz a contagem das palavras é o próprio site do NaNo -- e regista o número automaticamente.
Atenção que o que já fizeram não fica guardado. TODOS OS DIAS vão ter que inserir o novo total de palavras.

HÁ INSCRIÇÕES\PAGAMENTOS? E JUÍZES? COMO SEI QUE GANHEI E QUAIS SÃO OS PRÉMIOS?
Não se paga nada, e ninguém vai ver a tua novela a não ser que a partilhes. Os prémios são simbólicos (um PDF com um certificado que ganhaste, e uns ícones novos) e são dados a todas as pessoas que escreverem mais que 50.000 palavras -- que é a única condição para a victória.

MAS... E SE FIZER BATOTA?
Er, parabéns? Podes gabar-te de escrever uma novela que não escreveste? Não há NaNoPolicia para prender quem faz batota.

FICO COM OS DIREITOS SOBRE A MINHA NOVELA?
Claro! A submissão de novelas é totalmente anónima e não ficam registos dela no site.

EM QUE LÍNGUA POSSO ESCREVER?
Qualquer uma. Inglês, francês, português, latim macarrónico, linguagem dos Pês....

POSSO ESCREVER UMA SÉRIE DE CONTOS EM VEZ DE UMA NOVELA COMPLETA?
Sim. Podes escrever 50.000 palavras de poesia, receitas, dicionário Klingon-Português... tudo o que bem entenderes.

HÁ REGRAS PARA O NANOWRIMO?
Bom, há mais "guidelines" que regras (nada acontece se ignorares as regras). Não deves contar para o teu wordcount algo que tenhas escrito fora do evento. Deves começar um projecto novo (mas é permitido estruturar a novela antes), e deves divertir-te muito.

HÁ UM MÁXIMO DE PALAVRAS QUE POSSO ESCREVER?
Não. Podes escrever quanto quiseres, e quantas novelas te der na gana. O céu é o limite.
Links importantes: 

COMEÇA EM NOVEMBRO GENTE! BORA LÁ!!! 


Such pretty Much expensive

Desculpem o título idiota mas a Etsy mata-me aos poucos:










5 Conselhos que daria à Cláudia de 10 anos atrás!

Acho que estas lições só se aprendem quando as vivemos. Por mais que nos digam nunca entram completamente na nossa cabeça.

1. Não consegues decidir o teu futuro aos 18 - quer seja escolher um curso ou um trabalho. Até agora, aos 27, não sei bem ainda o que quero fazer para todo o sempre, lamento. E o inicio dos vinte não é a altura ideal para decidires o que fazer. Claro que há as pessoas que sabem desde sempre o que querem fazer da vida. Felicito-as!
Mas que fique registado que não faz mal mudares de curso três vezes, não faz mal despedires-te do emprego dos teus sonhos porque afinal não é aquilo que esperavas, nem faz mal ficares parado um ano, ou teres cinco mil hobbies. Os vinte são a descoberta e mesmo que tenhas pessoas criticar, ignora. É a tua vida e aposto que não queres acabar num emprego que odeias.

2. Valerá a pena gozar com as pessoas? - Todos passamos por isto, digam o que disserem. Ou são os gozados ou o gozadores (??). Há gozos típicos de adolescentes que nem chega a ser bullying. Dizem que dá carácter, a mim deu-me o sarcasmo.   Eu fui gozada mas também fui mázinha, confesso. Nunca disse nada assim de chocante! Nunca fui cruel! E provavelmente as pessoas com que gozei nem se lembram de tal coisa. Mas lembro-me de certas coisas que disse que me arrependo. Escusava ter sido tão má.
Para que conste também houve vezes que defendi pessoas e disso estou muito orgulhosa.

3. Sê menos influenciável. - Faz parte da adolescência eu sei, mas devia ter mantido sempre os meus ideais. Vivi sempre com o moto: "Não faças aos outros o que não gostas que te façam a ti." mas por vezes ignorava as maldades que certas amigas faziam ou diziam a outros. E achava fixe, e não achava que estava errada. Quem me dera ter defendido certas pessoas, não ter concordado com certas pessoas, não ficar constantemente calada.
Isto irrita-me principalmente na defesa das mulheres. Calei-me em muitas situações que a feminista que há em mim hoje daria uma chapada na Cláudia do passado tão, mas tão grande.
As mulheres já sofrem tanto às custas dos homens....porquê ainda haver mulheres contra mulheres?

4. Não fomentes drama ou intrigas. - Isto é quase impossível em certas idades e quando se tem um grupo grande de amigas. Mas agora tenho tanta pouca paciência para o "ele disse que ela disse que..." Quem me dera ter sido directa, sempre e para sempre. "Ai ela disse isso de mim? Então vou falar com ela." E falar como pessoas normais, sem drama. Quando encontrarem pessoas difíceis, ignorem-nas ou...

5. Afasta-te de pessoas claramente "tóxicas" - Deviam-me ter enfiado esta na cabeça à força! Quando alguém te trata mal, ou trata mal as outras pessoas, ou vive para intrigas, é hipócrita, preconceituosa, etc etc. Afasta-te. A sério!
Sim, vais perder amigos. Mas serão amigos que valerão a pena? Tens anos e anos pela frente. Não os queiras desperdiçar com certo tipo de pessoas.
Garanto-te que vais encontrar pessoas melhores que essas. Não tenhas medo de te afastar ou dizer directamente a essa pessoa o porquê de te afastares. Tens direito a isso.



Que conselhos dariam ao vosso passado? Bebe menos? Sê mais extrovertido? Sai do computador? 


PS: Eu sei que todas as experiências pelas quais passei fazem a pessoa que sou hoje. Mas há sem dúvida situações que eram escusadas e que se não tivessem acontecido eu tornaria-me a pessoa que sou hoje muito mais rápido! Oh yeah! 

A chuva inspira-me a não estar inspirada

Pelos menos hoje.
Eis a minha vista do computador.



Como é aquela música dos Ornatos Violeta?  "A chuva apaga o fogo que há em mim". 


Obsessões Semanais #4

Desta vez são muito variadas.

1. Taylor Swift e o Tumblr:



Rebloga e responde directamente aos fãs! 


Os milhões de gifs e videos que há dela a dançar (nem que seja sozinha) e a divertir-se em entregas de prémios. 



E quando isto aconteceu. 
Se a quiserem seguir o Tumblr é ESTE.
2. Esta cover magnifica da música A Team do Ed Sheeran: 

3. E um video que ensina a twerkar: 

Querem melhor que isto?! Não há. 

Tradições de Outono que deviam existir em Portugal

Os meses de transição são os meus preferidos - Primavera e Outono. Claro que este último é mais especial porque é o fim do Verão ( Aleluia senhores!! ) e porque tem inserido o Halloween!

No entanto, se formos a ver, Portugal não tem muitas tradições de Outono. Eu sei que a apropriação cultural está na berra hoje em dia, mas não me importava nada de me apropriar de certas tradições de outros países.

Ora vejamos:


 - Bonfire Night -  Acontece a 5 de Novembro e celebra o facto do plano de Guy Fawkes ter falhado. Mas se ignorarmos um pouco o porquê da celebração é uma noite cheia de fogueiras, fogos-de-artificio, maçãs caramelizadas e aquelas merdinhas que eles têm na mão na imagem que eu não sei o nome.



 - Maçãs, especiarias e abóboras - Não é que não tenhamos disto em Portugal....é mais a questão de porque não usamos mais estes ingredientes? É cidras, chás com especiarias, sopas e tartes de abóbora, Pumpkin spiced lattes, maçãs caramelizadas, gengibre em tudo, vinhos quentes. canela em tudo, enfim...Outono em comida.



 - Escolher e esculpir abóboras - Muito típico dos americanos e crescemos a ver isto na tv, porquê que nunca imitamos? Acho extremamente fofo ir até um campo de abóboras, escolher uma e depois esculpi-la. Lá levam isso muito a sério e é uma actividade feita em família. Até se aproveita o conteúdo da abóbora para cozinhados e as casas ficam logo com uma decoração Halloweenesca. Quero!

- HALLOW-fucking-EEN - Desculpem a excitação mas eu trocava o Carnaval a imitar o brasileiro por um Halloween a imitar o americano. Eu sei que temos Dia das Bruxas e também que há por aí muita festa. Mas eu quero ver a antecipação por esse dia que os americanos têm, quero ver casas decoradas e crianças na rua a pedir doces de porta em porta! Quero maratonas de filmes de terror na tv, mascarinhas por toda a parte, múmias sexys e fantasmas creepys. Concursos de máscaras e de melhor decoração, todos a lerem Harry Potter, competições de Quidditch, uma parada de zombies.....QUERO TUDO! 



E vocês? Têm algo a acrescentar? 

Translate

ShareThis