Hairvolution



Eu e o meu cabelo temos uma relação amor-ódio. Ele nunca está bem como eu quero, no entanto quero repetir sempre os cortes. Ora vejamos: 


Há muitos anos atrás tive uma epifania: eu fico bem loira. Não era por nada que tinha nascido loira. No entanto os genes são estúpidos e neste momento sou castanha clara. Anyway...em tempos antigos eu achava que quanto mais loira, melhor. Ainda acho...mas desta vez não quero fritar o cabelo. 

Nesses tempos antigos a Cláudia tinha uma aversão esquisita a cabelo comprido. Toca no ombro? Bora cortar para todo o sempre. Todos me diziam que cabelo curto era o que me ficava melhor. Anos mais tarde todos me disseram que cabelo comprido era o que me ficava melhor. Enfim...tenho sorte de ter a mesma forma de cara da Keira Knightley por isso, copiando-a, nunca tive muito medo de experimentar cenas... É só cabelo, who care's?! 

E vale a pena referir que a L'oreal me pagou uma pipa de massa para me pintar o cabelo de castanho. Vá de gastar a dita pipa de massa para me tornar loira de novo. 


Experimentei muitos loiros e depois TAN TAN TAN! Decobri a maravilha que é ter franja. Bem..a L'oreal já me a tinha feito, mas  eu nunca os levei a sério. Inspirada pela Silvia da novela Duas Caras (que agora repete na Sic) lá fiz franja. Loira com franja seria a minha cena. Até o cabelo estar comprido de mais e eu fazer uma pseudo-crista albina. Vá o cabelo crescer de novo. 


Como nunca tinha visto o meu cabelo bem comprido, lá o deixei crescer. Deu muito trabalho e demorou muito....talvez por estar todo frito com as 56435235 tintas que eu tinha usado. Já com cabelo comprido aventurei-me nas pinturas: tentei cores pastel mas foi um fiasco e depois meti na cabeça que queria ser ruiva. Falhei redondamente. A minha cena era ser loira. Fartei-me. Revoltei-me. VÁ CORTAR O CABELO DE NOVO (as cabeleireiras tentaram-me convencer a não cortar...é inédito!) VÁ LOIRÍSSIMA DE NOVO! 

Mas não fiquei satisfeita... O corte começou a crescer de um jeito estranho e o cabelo, apesar de brilhante na foto, estava totalmente arruinado. Palha d'aço, rastas, cinco quilos de amaciador. Não dava. Então....


BORA RAPAR O CABELO!!!!!  Na realidade fiz porque tinha muita curiosidade em saber qual era a minha cor natural e queria que o cabelo crescesse sem pinturas algumas. Já decidi qual o meu próximo penteado, mas ele demora a crescer. Falando em crescer...porque raio a parte de trás cresce mais rápido que a parte da frente? Caminonista mode on. Valem-me os gorrinhos. 

Se me perguntarem se me arrependi de alguns penteados? Não. Não dou muito importância a isso. Acho que consegui safar-me com eles e qualquer coisa há ganchos, chapéus, gorros e tesouras. Decidi que vou parar desta loucura com o cabelo. Já me mentalizei que não o vou pintar mais (yeah right!) e vou-me conformar em ser castanha. Vou deixa-lo crescer até mais não e tornar-me numa sereia. 

É tudo. 

Não, não é. Digam-me o que acharam? Se vocês também são doidinhos com o cabelo? Etc etc 

9 comments:

  1. não és castanha clara, és loira escura!
    tens uma cara tão borrachinho que todos os cortes te ficam bem! eu gosto de te ver com o cabelo médio, loiro doIrado. platinado também é fixe. ah, e um suave franjedo, tipo kate moss aos 40, ou à la Sílvia da Duas Caras, também te fica muito bem. ondulados suaves idem. o castanho provocante também te assentou bem, coisinha boa.
    com cabelo vermelho e roupa negra pareces saída dum concerto de industrial.

    ReplyDelete
  2. Aaah adorei ler!....Com essa cara linda qualquer penteado te fica bem.
    Mas gostei da Cláudia ruiva. :-)
    xx

    ReplyDelete
  3. Realmente não há aqui nada que me faça dizer 'ai qu'horror', usas tudo mesmo bem possa xD O meu preferido é sem dúvida o penteado da foto superior direita do 2º grupo, opá que gira! Além de adorar o vibe da foto, acho que é o penteado que te dá o ar mais cool de sempre. A do lado lembrou-me a Blondie no the tide is high (?) xD
    Também tenho uma atitude super descontraída com o meu cabelo, dou cabo dele com sprays pra penteados, mas não me aventuro como tu nos cortes x)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olha que se calhar é melhor dares descanso ao cabelo dos produtos se não acaba como o meu. =P

      Delete
  4. Olha, conselho de cota: pára já de arruinar o teu cabelo. Sério. Estou com 42 anos de idade e passei a vida a fazer merdas ao cabelo, a tratar mal o dito, a pintar agressivamente, usar porcaria atrás de porcaria, tudo porque é cabelo e volta a crescer e tenho uma trunfa de todo o tamanho - sempre tive imenso, imenso cabelo, mesmo - e agora olha, está todo a cair graças aos estragos que lhe fiz, e já não tenho nem metade da quantidade de cabelo que tinha, chegando a ter uma pelada numa zona. Dei cabo da fibra e da raíz, e se com a idade é natural que o cabelo comece a enfraquecer e a perder volume, densidade e quantidade, eu estou a pagar pelo mal que lhe fiz estes anos todos. Parei de pintar todos os meses, ando a pintar só de dois em dois para dar um tempo, não uso ferros nem alisadores, só secador no inverno, tento usar os shampoos com menos parabenos e sulfatos que encontro - mas cuidado com os da tresemmé, são uma merda!! - e no entanto, pá, cada vez que o lavo e depois tenho de desentupir o ralo da banheira até fico doente... posto isto, o cabelo castanho da primeira leva de fotos é top, estavas linda, a pele ficava mais luminosa, os olhos mais brilhantes, super sensual e cheia de charme. O corte de cabelo dessa foto tb te favorecia muito muito, mas tens um rosto que abarca bem qualquer tipo de penteado e uma tez que aceita quase todos os tons de cabelo - confesso que o ruivo é o que gosto menos, e ainda assim fica-te bem!!
    http://bloglairdutemps.blogspot.pt

    ReplyDelete
    Replies
    1. Ya o ruivo foi flop! Já parei de fazer mal ao cabelo. Pelo menos por agora. Não prometo nada!

      Delete
  5. Olá, obrigada pelo comentário! :)
    Eu gosto imenso do corte e da cor da 4ª foto, acho que fica bem com o formato da tua cara e a cor dos olhos! ^^
    Eu tenho coragem para cortar o cabelo a mim própria porque lá está, ele volta a crescer, no big deal xD Além de que se ficar mal ou eu não gostar tenho que ir de qq maneira à cabeleireira e se por acaso gostar é tempo e dinheiro que poupo! Além de que o meu cabelo é um bocado rebelde, tem os seus jeitos e quando corto em casa vejo logo o resultado com o meu cabelo normal, se for ao cabeleireiro vem todo bonitinho, lisinho e suave e assim que o lavo lá se vai a auto-estima... :P
    Tem piada que pintar o cabelo por inteiro nunca fiz, a primeira vez que fiz madeixas devia andar praí no 5º ou 6º ano e foi nas férias, que fui ao cabeleireiro com os meus avós e eles é que me convenceram a fazê-las sem os meus pais sequer saberem ahah! Nesse ano fiz loiras e no ano seguinte fiz vermelhas, depois disso parei e nunca mais fiz...

    ReplyDelete

Translate

ShareThis